(84) 99828-4059
Classificados Topo

Fazenda comprada por R$ 155 milhões no Matopiba vira fundo imobiliário

Foto: Reprodução

A 051 Capital lançou nesta semana, na B3, o fundo FZDA11, o primeiro fundo imobiliário agrícola exclusivo de terras do Brasil. A gestora estruturou o ativo a partir de compra de uma fazenda no Matopiba, em transação de R$ 155 milhões.

O Matopiba, fronteira agrícola que ganha cada vez mais relevância para o agronegócio brasileiro, é uma região que compreende áreas do Cerrado, nos estados do Maranhão, Tocantins, Piauí e Bahia, e que se destaca na produção de grãos.

PUBLICIDADE

A fazenda comprada tem área total de 9 mil hectares e dedica-se majoritariamente à lavoura de soja e à segunda safra de milho.

Fundo
O fundo da 051 Capital vai gerar renda anual para os investidores por meio da receita de arrendamento da propriedade, que, por sua vez, será remunerado pela venda da soja.

A commodity funciona como um hedge cambial para o cotista do fundo, dado que o preço do grão está atrelado à variação do dólar. O produto chega para complementar o portfólio da gestora.

Segundo Luciano Brochmann, sócio da casa e responsável pela gestão do fundo, diferentemente de ativos urbanos que correm maior risco de vacância, o fundo agro da 051 Capital minimiza bastante este risco e oferece maior segurança patrimonial e de reserva de valor no longo prazo. Para ele, a perspectiva de valorização do ativo e da receita atrelada ao commodity são alguns dos principais diferenciais.

“Interessante ainda dizer que, apesar do commodity (soja) estar em sua máxima histórica, toda a viabilidade do produto considera um preço por saca muito inferior ao atual. Isto cria uma margem de segurança muito importante para o fundo e, por consequência, para a rentabilidade do investidor”, destaca Brochmann, que atualmente faz a gestão de patrimônio de 13 famílias, o que soma R$ 3,5 bilhões.

Agronegócio
A conclusão do negócio, assim como do lançamento do fundo, acontece em um momento positivo para o agronegócio brasileiro, na avaliação de Bernardo Reis, responsável pela área agro da gestora. Mesmo com o cenário de inflação do setor, puxada pela alta dos fertilizantes, as margens para a safra 22/23 ainda serão muito acima da média histórica sustentada pela valorização dos preços das commodities como soja e milho.

“Estamos diante de um momento positivo o que favorece nossa exposição a esse mercado com governança e estrutura de gestão feita por quem entende do assunto”, afirma Reis.

“A região de Matopiba, uma das áreas mais consistentes em termos de alta produtividade, oferece um ativo tem uma grande regularidade na produção, fator importante para atingirmos as premissas de resultado para o investidor. Sem falar que os pagamentos do arrendamento são realizados independente da produção das áreas e sempre buscamos arrendatários triple AAA”, complementa.

Diante das boas expectativas para o negócio e da procura pelo produto, Brochmann conta que a gestora já está trabalhando em novas aquisições de terras para aumentar seu portfólio de produtos na área. De acordo com ele, a 051 está em processo final de análise de uma nova área, no valor R$ 650 milhões.

Canal Rural

Postado em 13 de junho de 2022
Classificados