(84) 99828-4059
Classificados Topo

Maio está sendo de grandes contrastes de chuva no Brasil

Durante a primeira quinzena de maio, a chuva sobre o Brasil ficou quase toda concentrada sobre o Norte e o Nordeste. Alguns trechos do litoral do Sul e do Sudeste tiveram eventos de chuva volumosa, mas a falta de chuva predominou pelo interior destas regiões. O volume de chuva acumulado nos 18 dias de maio em algumas capitais reflete exatamente esse grande contraste de chuva entre o litoral e o interior e entre o Norte/Nordeste e o centro-sul do pais.

Até o fim de maio teremos mais 3 frentes frias com chance de provocar alguma chuva pelo interior do país, ou de espalhar um pouco de umidade pelo interior do Brasil, mas nem todas as capitais, nem todo interior terão chuva. Confira a situação atual e o que vem por aí!

Chuva de maio no Brasil

O mapa mostra o volume de chuva acumulado no Brasil no período de 15 dias, de 3 a 18 de maio de 2021, pela medição do INMET – Instituto Nacional de Meteorologia. Os tons de verde escuro, azul e cinza representam os volumes chuva elevados. Os tons de verde claro, laranja e quase branco significam pequenos volumes acumulados.

Dá para perceber claramente a maior quantidade de chuva sobre o Norte e o Nordeste e os bolsões de chuva volumosa no litoral do Sul e do Sudeste. Os volumes de chuva nas capitais representam a chuva acumulada entre 1 de maio e 9 horas de 18 de maio.

Chuva de maio em algumas capitais

João Pessoa (PB): mais de 400 mm em menos de 1 mês

Segundo dados do INMET (Instituto Nacional de Meteorologia), pela estação convencional, do dia 1 de maio até 9 horas do dia 18 choveu 418,1 mm sobre João Pessoa, capital da Paraíba. Isso é equivalente a 47% de chuva acima da média normal para um mês de maio, que é de 284 mm. Porém, em maio de 2020 choveu 516,3 mm sobre João Pessoa

Fonte: Clima Tempo

Postado em 19 de maio de 2021
Classificados