(84) 99828-4059
Classificados Topo

Parque das Dunas plantará árvores em memória às vítimas da covid-19

O Instituto de Desenvolvimento Sustentável e Meio Ambiente (Idema), por meio do Parque Estadual Dunas de Natal, realizará, na próxima quinta-feira (17), a primeira edição da campanha de plantio de mudas em homenagem às vítimas da covid-19 no Rio Grande do Norte. A ação faz parte do projeto Bosques da Memória, promovido em todo território nacional, e acontecerá às 8h, na área de uso público da Unidade de Conservação (Bosque dos Namorados).

Nesse primeiro momento, a ideia é plantar 55 mudas de plantas nativas da Mata Atlântica. Serão 12 espécies destinadas ao plantio: pau-brasil, peroba, ipê-roxo, genipapo, pau-sangue, ubaia-doce, cumichá, caboatã, ingá-feijão, goiti, cajarana e paineira, todas produzidas no Viveiro do Parque. As duas próximas edições, programadas pela equipe do Parque das Dunas, acontecerão nos meses de janeiro e fevereiro.

A ação de restauração florestal tem o principal intuito de homenagear as vítimas da Covid-19 e agradecer aos profissionais da saúde com o plantio de, pelo menos, 200 mil árvores em todo o país. Essa será a primeira ação do Parque das Dunas inserida na campanha Bosques da Memória, e os participantes da atividade na próxima quinta-feira (17) serão os colaboradores do Idema, inscritos através de formulário (CLIQUE AQUI).

Para manter o distanciamento social e os protocolos de segurança, o plantio das árvores no Parque das Dunas não será aberto ao público geral. Contudo, a campanha continua nos próximos meses e quem desejar, pode manifestar interesse no site do projeto.

“Cinquenta e cinco pessoas que atuam no Instituto Ambiental poderão homenagear seus entes queridos vítimas do coronavírus, agradecer aos profissionais da saúde e ajudar a Natureza. O plantio de árvores é um gesto simbólico importantíssimo e que representa vida, como sinônimo de continuidade, amor e respeito. Poder plantar uma árvore e acompanhar seu crescimento traz uma esperança para quem está enlutado”, afirmou a gestora do Parque das Dunas, Mary Sorage.

A gestora acrescentou, ainda, que a ideia de aderir à Campanha que acontece em todo o Brasil é justamente a necessidade de espalhar amor em um momento tão desafiador para o mundo. “Inclusive, nossos ecossistemas que vêm sofrendo com desmatamentos, queimadas e que tanto precisam de nossa ajuda”, disse.

Atualmente, o Rio Grande do Norte contabiliza mais de 2.800 mortes por Covid-19. Com a ação de plantio memorial, o intuito é plantar a mesma quantidade de mudas no território potiguar. Para tanto, a participação e engajamento dos municípios se tornam tão necessários.

Campanha Bosques da Memória

A Campanha Bosques da Memória é uma promoção conjunta da Rede de ONGs da Mata Atlântica – RMA, da Reserva da Biosfera da Mata Atlântica – RBMA e do PACTO pela Restauração da Mata Atlântica. É desenvolvida de forma participativa e colaborativa.

Além de buscar a transformação desse momento de tristeza e devastação em esperança na Mata Atlântica, a Campanha marca o início da Década da Restauração de Ecossistemas 2021-2030 declarada pela ONU.

  • Saiba mais sobre a Campanha Bosques da Memória no site: www.bosquesdamemoria.com

Fonte: Portal da Tropical

Postado em 16 de dezembro de 2020
Classificados