(84) 99828-4059
A Construtora

Programa Banco de Sementes, da SAPE com apoio da EMATER, beneficia quase 53 mil agricultores potiguares só este ano

O Governo do Estado, por meio da Secretaria de Agricultura, da Pecuária e da Pesca (SAPE) e com apoio do Instituto de Assistência Técnica e Extensão Rural (EMATER) está beneficiando 52.912 agricultores potiguares com sementes de milho, feijão e sorgo este ano por meio do Programa Banco de Sementes. O programa já chegou a 156 municípios (93% do total do Estado), totalizando R$ 6,2 milhões investidos com recursos próprios do governo.

“O balanço é extremamente positivo. O Governo do Estado não mede esforços para garantir o atendimento pleno das necessidades do pequeno produtor rural. Este ano, conseguimos aumentar em 94% o volume de sementes distribuídas e, consequentemente, beneficiar um número maior de pessoas”, pontua o secretário da Sape, Guilherme Saldanha.

Francisco Gildo da Silva, do sítio Graça em Paraú, localizado no médio Oeste Potiguar, é um dos agricultores beneficiados pelo programa. “Gostaria de agradecer imensamente aos órgãos públicos que possibilitaram chegar às nossas mãos estas sementes, que são de suma importância para nós agricultores que dependemos dessa atividade para sobreviver”, disse ele, entusiasmado, reforçando que trabalha na agricultura há 14 anos.

O Banco de Sementes é um programa que tem por objetivo fornecer ao pequeno produtor rural sementes destinadas ao plantio de subsistência e forragem animal. O Banco de Sementes é um programa que tem por objetivo fornecer ao pequeno produtor rural sementes destinadas ao plantio de subsistência e forragem animal. As variedades distribuídas são fruto de pesquisas realizadas pela Empresa de Pesquisa Agropecuária do RN (Emparn) e Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa).

Postado em 13 de abril de 2021
Banner TV