(84) 99828-4059
A Construtora

Renovação da agricultura e de suas técnicas está ligada à imersão do jovem ao campo, aponta Embrapa

O surgimento da agricultura é datado há mais de dez mil anos, no Oriente Médio. Desde então, ela passou por inúmeras transformações e adaptações. Hoje, esse processo de renovação segue em curso, não apenas das técnicas, mas também de seus agentes, conforme destaca o pesquisador da Embrapa, Jorge Farias. Especialista em Desenvolvimento Regional, ele explica que o jovem começa a ter um importante papel na revolução da agricultura.

Majoritariamente composta por adultos, a agricultura começa a ser renovada com a inserção – ainda que tímida – de jovens nesse meio rural. No entanto, para entender este cenário de mutação, Farias diz ser preciso compreender outras questões socioeconômicas.

“Construiu-se uma ideia de que a agricultura não dava retorno financeiro. Além disso, os jovens cresceram vendo a imagem dos pais e avós fazendo um trabalho manual bastante pesado, cansativo. Então a soma desses fatores, para limitarmos em dois exemplos, afastou o jovem do campo, que anteriormente passou a ver a cidade com olhar mais atrativo”, detalha.

Contudo, com o advento de novas formas de vida em sociedade e a diminuição das distâncias pela facilidade das comunicações e da urbanização do meio rural – em que espaço o urbano e rural se confundem com linhas divisoras cada vez mais tênues –, o jovem começa a ter um olhar diferenciado para a agricultura.

Fonte: Diário do Nordeste

Postado em 14 de abril de 2021
Banner TV